sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Mais presente: Entre Panelas e Tigelas, o livro da Heloisa Bacellar


Ainda ontem, logo depois de ter postado outros presentinhos, me chegou aqui, enviado pela Sofia Carvalhosa, o livro da Heloisa Bacellar com dedicatória da autora e tudo. Quase morri de alegria, porque desde que li em algum lugar a resenha, ele já estava na lista de desejos. Fui para cama com ele e não conseguia parar de ler. Como a autora, leio livros de cozinha e receitas como se estivesse lendo romances. Do começo ao fim, tudo ali parece útil, essencial, divertido, gostoso. Fundadora do Atelier Gourmand, Heloísa, além de cozinheira criativa, metódica e perfeccionista, é uma viajandona. Conta histórias de comida sobre os diversos lugares por onde andou, dá dicas de ingredientes, ensina técnicas e desfila com as receitas impecavelmente escritas – como deveria ser sempre, mas não é, a gente sabe. Daquelas que só de ler dá pra ver que foram testadas, degustadas, corrigidas. Eu tenho mania de revisora de ir lendo e checando a ordem de uso dos ingredientes, a coerência das quantidades ou a falta delas ou se o ingrediente é citado nos ingredientes e esquecido no modo de preparo, se a maçã na receita é descascada e na foto aparece pelada, estas coisas. E nas receitas dela, não tem erro. Tudo certinho, um respeito danado pelo leitor. A obra é um catatau, 416 páginas de pura delícia e magia. Afinal, o design do livro é uma graça, remetendo aos anos 50, com aquelas ilustrações de época e fotos maravilhosas do Rômulo Fialdini. A produção de objetos (do acervo próprio) é um caso a parte, cheia de referências de fazenda e utensílios ancestrais. E a apresentação é do meu amigo Arnaldo Lorençato, que sabe do que fala.

Heloísa já escreveu “Cozinhando para Amigos” e está já com outros dois engatilhados. Suas receitas são sempre certeiras, mas descomplicadas. Tem arroz com feijão (o nosso e versões similares em outras partes do mundo), festa de aniversário em casa e até receitas naturebas. Mas tem também uns bolos e tortas de maçãs que são de um requinte só, ainda que feitas com ingredientes simples. Bem, tem muito mais. Só vendo mesmo. De lambuja uma foto com a receita do bolinho de boteco. Só para assanhar. Fica, então, mais uma ótima sugestão para presente.
Veja aqui da Livraria Cultura.
Clique & Amplie
COZINHANDO PARA AMIGOS V.2 - ENTRE PANELAS E TIGELAS, A AVENTURA CONTINUA
De Heloisa Bacellar, com fotos de Rômulo Fialdini
Editora:
DBA

5 comentários:

mariliafig disse...

Adoro a Heloísa e o Atelier Gourmand (que já não é mais dela, que pena!!) Mas, ainda ontem fiz um Biscoitinho de |Roquefort(?) do livro Cozinhando para os Amigos e , como sempre, deu certo e fez um bruta sucesso. Estou babando no livro novo.

Anônimo disse...

Neide do céu,agora estou com vontade de ter este livro também,vou hoje lá na Cultura,obrigada pela dica,beijo!

Mariângela disse...

o anônimo sou eu

Ana disse...

Neide, minha mãe ainda tem uma panela de pressão daquela da foto, de rosquear a tampa, que foi presente de casamento.
Achei interessante que a panela levou um banho de metal e ficou linda.
Me deu uma grande idéia....
Beijos.

Edirlene Sousa disse...

Como Fasso para descasca feijão sem manchar as mãos