quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Jantar com Mari Hirata - Soja verde no Tsuyu

Sobre folhas de bambu e decorada com pimenta. Como petisco, para comer de palitinho (ohashi)


Este preparo não está no livrinho do encontro Gastro Pop, mas fez sucesso e a Mari me passou a receita. Ela usou soja fresca desidratada, que trouxe do Japão. Não sei se tem por aqui. Mas, segundo ela, uma alternativa seria usar a soja verde fresca, ou edamame, esta sim encontrada no bairro da Liberdade. Aí é só dar uma leve aferventada antes de juntar o molho. Ou então usar soja amarela comum, seca (vou tentar com a preta que tenho aqui).

Soja verde com Tsuyu
lave bem e deixe de molho de um dia para outro um tanto de soja verde desidratada. Leve para cozinhar na mesma água por cerca de 15 a 30 minutos, dependendo da qualidade e idade da soja. Deve ficar al dente. Escorra e coloque ainda quente numa tigela de vidro e, em seguida, despeje o molho Tsuyu caseiro ou comprado pronto até ficar bom de sal. Complete com água fria, se for preciso. Cubra e deixe na geladeira marinando por mais 8 horas. Depois, pode ser servido assim, decorado com pimentas, como aperitivo. Ou pode servir ao longo da semana junto com saladas de folhas, de grãos ou com algas.

O molho tsuyu caseiro: misture partes iguais de shoyu, mirim e sake; depois é só ir colocando Dashi (veja receita aqui
ou no post anterior), até o ponto de sal que achar necessário para a receita, lembrando que o shoyu é bem salgado.

Nota: se quiser, compre molho pronto (Kombu dashi tsuyu, da Yamasa). Pode ser encontrado no bairro da Liberdade. É a marca que ela indica porque acha mais saboroso.

Nenhum comentário: