sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Comes do Alentejo


Abóboras e gilas no Mercado de Beja
Em Beja, Luiza Fecarotta e eu decidimos acordar muito cedo no dia seguinte a um longo jantar e precedendo uma jornada de atividades ligadas ao azeite. É que queríamos, antes de entrar no ônibus, ir a uma padaria e, quem sabe, poderíamos ter a sorte de ver uma fornada de pão alentejano saindo.
Qual nada, tudo fechado. A padaria abriria só às 8 horas. Saimos andando e nos deparamos com um Mercado (acho que o Mercado Muncipal de Beja). Turista sempre quer mais de um mercado de produtos regionais, mas quem tem que querer e conhece suas necessidades é o morador local e não nós que estamos ali pra xeretar, fotografar.
Mesmo assim, pudemos observar alguns ingredientes e produtos, alguns recorrentes que veríamos também nos jantares e almoços e na feira Olivipax e Vinipax. Queijos curados de ovelha, presunto de porco preto alentejano (o mesmo do jamón ibérico de bellota), abóbora, gila, chouriço e paio, gordura de porco e até torresmo de rissol a quem fui apresentada há algum tempo pelo blog do João Pedro Diniz. Foi o que mais vimos. Muito bem, às fotos:


Porcinos: presunto de porco ibérico ou porco preto, banha de porco e torresmos de rissol. Veja aqui e ali para saber o que é - eu, sinceramente, ainda não descobri que parte do porco é usada, pois o redanho que conheço é este. E o vendedor do açougue não estava para muitos amigos. Então não perguntei.

Porcinos: chouriço de sangue e paio

Queijo de Serpa: como o queijo da Serra da Estrela, é feito com leite de ovelha talhado com uma infusão de cardos. Embaixo, queijos de ovelha curados.


Presunto de Barrancos, feito com porco preto ou porco ibérico ou porco alentejano, como se diz por lá. Porcos de pastoreio, alimentados com bolotas de azinheira (Quercus ilex) ou de outras espécies de Quercus, produzem este presunto rico em gorduras monoinsaturadas como o azeite. Parecido com o jamón ibérico de bellota, mas com tecnologia de preparo diferente.

Um comentário:

Nestor disse...

Ola.
Para obter farinha de mandioca bem fina é só bater no liquidificador.