terça-feira, 1 de setembro de 2009

Pupunha em fios - parece linguine


Aqui, só o refogado de pupunha que deve ficar bom com arroz integral
Estou na fase de pratos únicos, para economizar tempo. Por isto, aproveitei o palmito pupunha em fiozinhos (destes da São Cassiano, produzidos de forma sustentável, que agora já podem ser encontrados em vários lugares) que ganhei e estava no freezer, para juntar com vegetais e cogumelos que sobravam na geladeira e fazer um refogado rápido. Mas, no meio do caminho, achei que seria uma boa idéia juntar o preparo ao macarrão linguine, da mesma cor, para fazer um prato ao mesmo tempo substancioso, gostoso e pouco calórico. E sendo bom, nunca é demais economizar calorias para gastar o crédito em situações imprescindíveis. Sem falar que há quem realmente precise diluir alimentos mais calóricos como o macarrão com outros como o palmito, que tem valor energético mínimo. Comi uma pratada como se fosse tudo macarrão de verdade. Com a vantagem do sabor agradável e adocicado da pupunha. Anotei a receita, veja aí:

Aqui, linguine e palmito pupunha: no prato mal se percebe a diferença, mas na balança...
Linguine com fitas de palmito pupunha, shimeji e brócolis


150 g de macarrão linguine
2 colheres (sopa) de azeite
4 dentes de alho fatiados
Meio pimentão vermelho cortado em tirinhas bem finas
2 xícaras de cogumelos shimeji
200 g de palmito pupunha em tirinhas

2 xícaras de florezinhas de brócolis
1 colher (chá) de sal
1 pimenta dedo-de-moça sem sementes picada
½ xícara de cebolinha cortada em pedaços transversais
1 pitada de pimenta vermelha seca em flocos

Coloque 2 litros de água numa panela. Junte meia colher (sopa) de sal e deixe ferver. Coloque o macarrão e cozinhe até ficar ao dente. Enquanto isto, numa frigideira ou wok grande, em fogo médio, aqueça o azeite com o alho e deixe até começar a dourar. Junte o pimentão vermelho e mexa devagar até amolecer. Junte o cogumelo e o brócoli, polvilhe metade do sal e refogue até as florezinhas ganharem coloração mais escura. Junte o palmito pupunha, a pimenta, a cebolinha e o restante do sal. Misture até que o palmito esteja bem quente. Escorra o macarrão e despeje na frigideira sobre este refogado. Mexa com um garfo de madeira, com cuidado, para incorporar bem os legumes. Sirva em seguida regado com azeite e polvilhado com um pouco de pimenta em flocos.

Rende: 4 porções

4 comentários:

Ana disse...

Inventadeira de moda você, hein !!

Adoro esses pratos "junta tudo".

Anônimo disse...

Boa tarde, Neide! Que delícia de prato,deu água na boca ! Gostaria de aproveitar a oportunidade para perguntar se você saberia onde seria possível encontrar "palmito amargo - GUARIROBA" ou "Gueroba" de preferência aqui em São Paulo, ou em outro lugar que enviasse via correio. Agradeço desde já a atenção dispensada. Cleusa

Neide Rigo disse...

Oi, Cleusa!
Entre em contato com o pessoal do restaurante Tordesilhas, que lá poderão te informar sobre a venda deste palmito. Sei que tem o palmito em conserva, mas não sei onde.
Um abraço,
N

Anônimo disse...

Neide, que delícia!!
Entrei no site da São Cassiano e encontrei lá os lugares onde comprar.Achei aqui pertinho de casa. Usei metade, para fazer uma receita como a sua e a outra metade fiz no outro dia com um molho de mostarda, limão e cheiro verde.Ficou uma delícia tbm!!Nada como a praticidade e tão poucas calorias. Adorei! Sueli