segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

O Navegador, Rio



Achei que já tivesse comido bons pães de queijo. De fato, uns que comi em São Roque de Minas, na Serra da Canastra, eram deliciosos, feitos com o verdadeiro queijo canastra. Isto tomando por julgamento aquele tradicional pãozinho que temos em mente: macio, meio massudinho, gosto de queijo-minas. Agora, estes do Restaurante O Navegador, da Teresa Corção, que comi nesta última viagem ao Rio, são divinos. Não é porque ela é minha amiga, não. Poderia me calar, simplesmente. Mas eles poderiam até entrar numa outra categoria: pãezinhos de mandioca com queijo. Delicados, fofos, úmidos, macios, perfumados, com toque de alecrim. Fiquei com vontade de comer a cesta inteira e sei que poderia, pois a todo momento eles eram repostos, quentinhos. Só que havia ainda uma infinidade de coisas boas para provar, como as verduras e legumes orgânicos que ficam dispostos no que ela chamou de “ponto org” ou simplesmente”.org”. Ainda bem, é claro.
Mas, quanto aos pãezinhos, o que deu pra perceber é que ela não usa queijo fresco, mas sim grana padano ou outro parecido. E que a massa é do tipo mole que se assa em forminha. Ah, na superfície que brilha: sal e alecrim. Mesmo na textura, embra quase uma focaccia. Ela demorou meses de teste até chegar à fórmula pefeita. Então, vamos tentando nós também. Que tal pegarmos uma receitinha de massa de liquidificador (veja lá embaixo) e usarmos azeite, banha ou manteiga derretida no lugar do óleo; queijos dos mais variados tipos? Ou ainda usar polvilho azedo no lugar do doce? Meio a meio, quem sabe? Façam suas apostas, eu já estou pensando na minha. Se derem certo os pãezinhos que estão neste instante no forno, depois eu conto. Agora, se estiverem no Rio, não percam de vista esta cestinha de pães, que inclui grissini de mandioca (uma delícia também).
Legumes do .org. Sabores concentrados.
Serviço
Restaurante O Navegador
Av. Rio Branco, 180/6º andar Clube Naval
Rio de Janeiro - RJ - Cep 20040-003
Tel.: (55)(21) 2262-6037 / Fax: (55)(21) 2210-6107
Horário do restaurante: das11:30 às 15:30 (cozinha fecha às 15:00)
Pão de queijo de liquidificador, de um velho caderno de receita (é a receita que estou testando, com modificações - aqui, a receita original, nunca executada antes por mim): Bata no liquidificador 2 xícaras (de duralex - sic) de polvilho doce, 1 xícara de leite, 1/2 xícara de óleo, 1 ovo, 2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado, sal a gosto. Asse em formas de empadinha sem untar, forno bem quente.

10 comentários:

lll_Artemis_lll disse...

Que blog lindo e especial.Aprendo sempre qualquer coisa em cada visita.Parabéns.
Bjokas
Ana

Anônimo disse...

Sou amante de quijos, apesar de ter uma leve intolerância à lactose. Opto pelos mais gordos e fortes, que possuem baixa quantidade de proteína e muita gordura. Gostei muito da sua publicação.
bjo,
Nina (Gourmandise)

Laurinha disse...

OK, foi dada a larada..... adorei o alecrim, deve dar um perfume...
de liquidificador nunca fiz, vamos ver!
Beijinhos,

Sill disse...

Oi amiga!!! Que bom q estamos de volta p 2008!!!! Uhm... a Thereza caprichou mesmo, heim? Qdo fechar a receita me chame p um chá, ok? Depois passa no "a propósito" p ver a foto do pão de canela em co-autoria c a sua receita de pão... ahaha... ficou um luxo só!
Ah! Minha amiga jornalista q é fã da sua prima já está pedindo p te conhecer... ah... esses blogs! E as bolsas, não fizeram o maior sucesso??!! Todos amaram!!
Saudades de ano novo!!! bj Sill

Marizé disse...

Neide focê me contagiou com essa de encontrar a formula para os deliciosos pãezinhos de queijo da sua amiga!
Como resistir, principalmente quando não vejo maneira de ir provar essa maravilha "in loco"?

Beijocas

caosnacozinha disse...

Vou acompanhar, bem curiosa, esta sua exploração! É engraçado é que algumas das coisas que você fala em mudar fazem parte da minha receita normal. A minha receita de pão de queijo, que está lá no caos, foi-me dada por uma brasileira, e é feita com grana padano e com polvilho azedo. Sempre foi! Eu até pensei que o doce era para os biscoitinhos de polvilho. Eu acho fascinante como uma só receita pode ter e tem tantas variantes como o pão de queijo. É quase um cada um tem a sua, faz de maneira diferente, e gostoso mesmo é provar umas e outras! :)

Beijo *
Witchie

Eduardo Luz disse...

Eu dei uma pesquisada no Come-se e acabei descobrindo um menu inteiro. Depois eu te passo as receitas escolhidas e com este pão de queijo, ele ficou mais completo ainda.
Pergunta : não me lembro se eu já fiz mas dá prá fazer alguma coisa com as flores do nirá ? Pela primeira vez e neste ano, elas estão brotando aos montes !

lao disse...

Saudações!,
Leio com certa freqüência e muita curiosidade o seu blog.
Encontrei um outro blog que suspeito seja de seu interesse, por isso, indico-o aqui:
http://www.opensourcefood.com/

abraços!

fezoca disse...

Neide, que maravilha de paozinho!
Eu comi uma adaptacao, feita por um restaurante aqui e Davis, que tambem ficou otima. O dono me disse que queijos usou [foram tres], mas agora nao me lembro. E na massa vai batata cozida.

Essa receita de liquidificador eu tenho e fazia muito qdo morava ai, recheava com tomate e oregano, eles sempre evaporavam! aqui eu nunca fiz, agora me animei, pois eh uma receita tao facil. E eles ficam ocos, muito legal pra por recheio, assim como voces fizeram. Ah, tenho que sair pra comprar o polvilho hoje mesmo! :-)

beijao,

sonia disse...

já fiz a experiencia e ficou otimo! coloquei oregano.
bjs.
sonia