sábado, 18 de agosto de 2007

Amigos virtuais de verdade

Neide deu guariroba de Fartura para a Lica, que retribiu em empadas nas forminhas que ganhou da Akemi, lá do Japão


Esta vida de blogueira dá um pouco de trabalho, mas compensa. Quem pensa que trabalhar em casa como autônoma e passar horas na frente do computador é sinônimo de uma vida solitária, engana-se. De uns 15 anos para cá fiz grandes amizades reais através de contatos virtuais. Isto porque, devido à minha irritante timidez que joga contra mim, passo por arrogante ou desinteressante nos primeiros contatos quando eles são presenciais ou por telefone. Desinteressante, pode até ser. Mas, arrogante, juro que não sou. Quando entro num ambiente cheio e passo sem cumprimentar ninguém é porque usei a única armadura que me restou. Depois vou colocando a cabeça pra fora e enxergando rostos conhecidos, falando, sorrindo. Cada tímido encontra um jeito de sobreviver. Este é o meu. Mas o que mais me ajuda e facilita os primeiros contatos é que felizmente toda esta inibição se esconde nas entranhas do teclado e me vejo livre e até desavergonhada demais quando escrevo para alguém. Antes da era digital, já abusava do selos, mas agora tudo é mais fácil. E com o blog, então, tenho descoberto um outro mundo cheio de conquistas e leitores carinhosos, como a blogueira Eliana, a quem tinha prometido um palmito gueroba (ou guariroba, como queiram), por sabê-la goiana. Não esperava nada em troca, mas nosso encontro me rendeu, além do prazer de conhecer pessoalmente uma pessoa tão querida, estas deliciosas empadinhas, que foram meu almoço e meu lanche numa sexta-feira corrida de Boa Mesa. Aliás, próximo post, fantásticas receitas de massas da oficina da Ana Soares, no Boa Mesa.

5 comentários:

Eliana Scaramal disse...

Neide querida, como já é publico a minha admiração por você, só tenho a dizer que AMEI cada segundinho da nossa conversa do nosso encontro que seja o primeiro de vários outros né?! :)

Neide Rigo disse...

Esteja certa disso, Eliana. Obrigada por tudo!

Anônimo disse...

Parabéns pela sua forma de escrever e que se torna uma deliciosa leitura. Parabéns pelo blog. Se me permite, entrarei outras vezes.
de que também padece de timidez e da reputação de orgulhosa, as vezes, pelo mesmo motivo.
m célia

Flavinha disse...

Então querida
Tem que falar com a Valentina do Trem Bom http://www.trembom.blogspot.com/
Dai tem o blog colher de tacho, e lá é sorteado um ingrediente por quinzena e temos que bolar uma receita, de preferência com fotos, é uma delícia.
Dá uma olhadinha, mande e-mail que as meninas são um doce, e na próxima quinzena vc entra
Muitos beijos

Michel disse...

Ter um blog é demais, fazer amigos, conhecer pessoas que falam a mesma língua e que usam essa língua para experimentar e postar delícias em seus blogs. Isso não tem preço.