segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Antepasto de abóbora

Nada que ver com o dia das bruxas. Aliás, ontem bateu aqui uma turma de bruxinhos e caretas de pânico, mas, para minha surpresa, haviam também marmanjas mães. Eu disse que preferia as travessuras do saci ...  Mal humorada eu, não? 


Bem,  o assunto é só porque sobrou um pedaço daquela abóbora na geladeira e, como ontem estaria com a casa cheia, resolvi fazer um antepasto para comer com o pão que também fiz com abóbora, mandioquinha e amêndoas.  Tudo na base do improviso, mas hoje ainda sou capaz de reproduzir.  Amanhã já não mais, por isto deixo aqui anotado como fiz. 


Antepasto de abóbora madura 


4 colheres (sopa) de nozes picadas 
1/3 de xícara de azeite 
1 pedaço de abóbora madura com cerca de 500 g cortada em fatias finas, com casca. 
1 cebola cortada em fatias 
1 pimentão verde picado em tirinhas 
6 colheres (sopa) de uvas passas brancas e/ou pretas 
1 colher (sopa) de alecrim fresco picado 
1 colher (sopa) de pimentas ardidas picadas 
 1 colher (sopa) de orégano 
1 colher (chá) de sal ou a gosto
2 colheres (chá) de açúcar 
2 colheres (sopa) de vinagre 
8 tomates peras cortados em quartos


Separe metade das nozes e 2 colheres (sopa) de azeite e reserve.  Misture todos os demais ingredientes, menos os tomates,  e coloque numa assadeira. Leve ao forno médio e deixe assar, mexendo de vez em quando, por cerca de 1 hora e meia ou até a abóbora ficar macia. Prove o sal e corrija, se necessário. Junte os tomates polvilhados com sal e deixe no forno por mais uns 20 minutos ou até que os tomates fiquem macios. À parte toste as nozes restantes no azeite reservado e jogue por cima.  Sirva frio com pão ou junto com folhas verdes frescas. Se quiser, reforce o sabor com mais azeite frio. 


Rende: 8 porções




11 comentários:

...Noêmia! disse...

Delicioso!
:o)

Viviani disse...

Hummm, água na boca! Vou experimentar fazer e depois eu te conto!!!
Ah, obrigada pela visita!!

Pequi disse...

Parece ser gostoso, vou tentar fazer aqui.

Cae Fernandes disse...

Que receita diferente! Parece ótima!
Bjos.

Gilda disse...

Aqui esta entrada corre o risco de virar prato principal. Mas achar uma abóbora igual a essa...Aliás, fiz o pão de abóbora e fica mesmo delicioso. Agora conta do pingador: funcionou? Fiz um deste tipo uma vez e à medida que a água descia, ele começava a pingar diferente, lá pelo terceiro dia, quarto; marido engenheiro disse que devia ser por causa da pressão da água.

Anônimo disse...

Aiaiai, parece delicioso! Vou tentar! Bjs Leticia

joao bosco guerreiro da silva disse...

Também prefiro o Saci...

aguiar disse...

Neide,
quem diria? abóbora!!!
Gosto de abóbora de qualquer jeito, mas neste prato ficou chique demais!
Mais uma vez obrigada.
bjs

Lina disse...

Neide, adorei o teu antepasto, vou fazê-lo.
Beijinhos

Jael Iori disse...

Ola Neide, adorei seu blog. Quem o indicou foi seu amigo Osmar Diz. Vou experimentar algumas de suas receitas, que parecem bastante sustentáveis, criativas e deliciosas. Um grande agraço.
Jael Iori

Neide Rigo disse...

Oi, Jael!
Ótima indicação. Espero que goste. Um abraço,n