quinta-feira, 7 de abril de 2011

Quinta sem trigo 16: petits fours de fubá de canjica e linhaça

Está certo que você não aguenta mais me ver falando de fubá de canjica, mas juro que não estou ganhando comissão e prometo mudar o ingrediente na próxima quinta. É que aquele fubá de canjica, presente da Kris, ainda está rendendo. E, antes que me questione que fubá é este, se é igual ou não ao fubá comum ou de moinho de pedra, saiba que já falei muito dele, já dei nome de produtor e tudo o mais - é só procurar na caixa de busca aí em cima. Uma das vantagens em relação ao fubá comum é que ele tem mais liga mesmo quando misturado a líquidos frios.
A massa é praticamente a mesma daquela do biscoito tipo cracker que dei aqui, porém juntei linhaça triturada e alcaravia e moldei de um jeito diferente. Usei esta forminha de madeira com diferentes formatos - é só polvilhar com fubá de canjica para não grudar, pressionar a massa e desenformar, mas você pode fazer bolinhas e achatar como estes biscoitos de amendoim, usar um cilindro de moldar biscoitos ou ainda abrir a massa entre duas folhas de plástico e cortar com cortador de biscoitos.
Petits Fours de fubá de canjica: misture numa tigela 200 g de fubá de canjica, 100 g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente, 1/2 colher (chá) sal, 2 colheres (chá) de fermento químico em pó, 2 colheres (chá) de açúcar, 1 colher (chá) de alcaravia (kümmel), opcional, e 4 colheres (sopa) de linhaça marrom ou dourada triturada levemente no liquidificador. Ou, se quiser, nozes picadas ou amêndoas raladas. Misture com as mãos até conseguir uma farofa e vá adicionando água aos poucos (cerca de 100 ml) até conseguir uma massa modelável. Se preferir, bata tudo no processador. Molde os biscoitos do jeito que lhe for conveniente. Se não tiver formas, faça bolinhas e achate-as para que fiquem com altura de cerca de 1 centímetro. Coloque em forma não-untada e leve ao forno médio. Deixe assar por cerca de 30 minutos ou até que fiquem firmes e comecem a querer dourar (não devem dourar, se não ficam amargos). Rende aproximadamente 25 unidades

5 comentários:

veronika paulics disse...

e essas formas de biscoitinho do século retrasado! que lindas...

Marina disse...

Ai, Neide, vou ter que fazer! Estou com um fuba lá em casa encalhado, e adorei a ideia! Minhas meninas vão amar, tenho certeza!

Gina disse...

Aqui temos uma loja que só vende produtos de Minas. Vou ver se tem esse fubá e venho aqui pegar as suas receitas.
Faz tempo que vi uma receita com esse fubá e fiquei intrigada, mas já li todas as suas explicações.
Bjs.

angela disse...

Aqui tem à vontade fubá de canjica da marca Ki-flor . Precisando, me fale.
AMEI a forma! que lindo!!!!
Você nem vai acreditar. Sabe oq ue tenho de escrever na "verificação de palavras" para mostrar que não sou spam? denden !!! Quase o dendê!!

Kris Nardini disse...

N, fico tão feliz em ver as coisas maravilhosas que você fez com o fubá!!!
E essa forma, meu deuso? Coisa mais linda do mundo!

Grande beijo