sexta-feira, 18 de julho de 2008

Florença - os queijos do mercado


Lugar de comer às 7 da matina. Daqui a pouco, isto lota de gente faminta.
Pelo menos para mim, a melhor hora de se ir ao Mercato Centrale di San Lorenzo é pela manhã, quando se pode olhar tudo com calma, fotografar, ver peixes mais raros que chegam em pequena quantidade, provar uma lasquinha de queijo, uma fatia de presunto, perguntar, conversar, comprar sem pressa nem filas. Mas se você não consegue acordar muito cedo, tem atés as 14 horas para conferir as novidades no meio de uma multidão que foi lá pelo mesmo motivo. O que não pode é deixar de ir. A partir de hoje, mostro aqui os produtos que consegui fotografar, divididos por assunto, de modo a abranger todo o mercado. Começo com os queijos. E acho que trago-os de todas as bancas. Desculpe-me por não conseguir ter fotografado todas as legendas decentemente. E também por não ter provado todos eles para poder deixar aqui minhas impressões. Trago, então, se é que isto serve para alguma coisa, o preço em euros, por quilo.


Sardo - 11,80 euros; Pecorino prataiolo - 9,80 euros; Pecorino di Maremma - 9,80 euros


Scamorze fresche - 12,91 euros


Plaquinhas ilegíveis


Quartirolo - 19,50 euros; Taleggio - 19,50 euros (ops, o que meu dedo está fazendo aí?)


Provolone piccante e Provolone dolce – 13,90 euros; Taleggio – 12,90 euros; Brie em oferta – 9,90 euros; Provola affumicata – 14,90 euros; Ricotta - 2,90 (?) euros


Plaquinhas ilegíveis


Romano - 9,80 euros


Plaquinhas ilegíveis


Parmegiano reggiano 1 scelta e Parmegiano reggiano 1 stagionatura – 12,91 euros


Pecorino stagionato in grotta


Fourme d´Ambert au sauternes - 44,00 euros; Ricotta carnica affumicata - 25,50 euros; Marzolino; St. Fillippe ai 3 blu - 44,00 euros; Blu de Re mucca - 39,50 euros; Tomino "La Tur" mucca - 6,50 euros a peça; Lucullus - 44,00 euros e Ricotta del pastore - 10,00 euros (veja o preço da Bottarga - 250,00 euros o quilo!)


Canestrato - 8,50 euros; Sardo - 11,80 euros

I
E outro tanto com plaquinhas ilegíveis

5 comentários:

Mariângela - Porto Alegre,Brasil disse...

Neide,se tem algo que sinto muita falta por aqui é desta variedade de queijo,e como são saborosos não!
E os italianos tem todo um conhecimento neste preparo e criam uma variedade de sabores incríveis,pena mesmo que aqui só na saudade,beijo!

Dricka disse...

Eu quero!Eu quero!
Quero ir a Florença, visitar todos esses lugares e voltar empanzinada desses queijos todos ai.Rsrs
Estava já com saudades.Mas valeu a pena!Estou me deliciando com os relatos.
Bjs

Agdah disse...

Êta que vc fez a festa...

Luciana disse...

Neide, foi o Arnaldo Lorençato quem me falou sobre o seu blog - entrei e me apaixonei - já está linkado no meu. Parabéns pelo trabalho e, quanto aos queijos, Mamma Mia, é isso que faz a vida mais feliz!
Abs

Rita Basilio disse...

A primeira coisa que eu vou fazer quando chegar a Florença em outubro próximo é visitar o mercado...