terça-feira, 17 de junho de 2008

Achachairu


Uma dentada pra abrir. O resto é pura diversão

Às vezes minhas grandes descobertas cabem no bolso. Foi o que aconteceu desta vez, no 2º Laboratório Paladar de Cozinha Brasileira , quando fui apresentada a esta frutinha trazida no bornal do Beto Pimentel. Consegui não comer uma de cada variedade – eram duas, de uma se comia a casa e da outra, de casca travosa, não. Vou plantar a semente e quem sabe um dia possa ter um caminhão cheinho. Lá, na hora, chupei um montão, mas não deu pra saciar. O jeito foi procurar saber mais, enquanto não a tenho. Jurava ser uma Mirtácea, mas é da família Clusiaceae, a mesma do bacuri, bacuripari, bacurizinho. O achachairu ou Garcinia sp é azedo e doce na exata medida do equilíbrio, misto de jabuticaba, araçá, ciriguela e bacuri. É muito apreciado na Bolívia e na região amazônica de um modo geral. Mas parece já haver cultivo comercial há algum tempo nas regiões norte. E o Beto, na Bahia, deve ter um pomar inteiro, pelo jeito. Sorte de quem pode ir sempre ao Paraíso Tropical, seu restaurante em Salvador. A casca da frutinha é amarelo-alaranjado e falo da variedade maior, com casca dura, coriácea, como a da jabuticaba, que tem que ser estourada no dente. Como o bacuri e o mangostão, a polpa é solta da casca. Branquinha, suculenta, saborosa e pouca. Muito caroço pra pouca diversão, diria, mas a natureza tem lá seus porquês e seja como for é boa demais. A outra variedade, miúda, tem casca mais molinha e pode ser comida inteira, que não amarra a boca.
Que venha achachairu para sorvetes, sucos, geléias e recheios. E uma bacia cheia pra chupar à toa.

17 comentários:

Pedrita disse...

nossa, deu vontade de experimentar. beijos, pedrita

Rubén disse...

Prezada Neide, acabei de receber um e-mail seu. E seu ou é virus?
Abraços

Rubén Duarte

Neide Rigo disse...

Rúben,
infelizmente é virus, mas não é o tipo que vai contaminar sua máquina. É só a chateação para mim. Desculpe. Um abraço, n

dos avessos disse...

...que bom que vc passou por aqui...adorei seu blog, e que grande foi a minha surpresa qdo entrei hoje, e dei de cara com um achachairu, eu morria de saudades dessa fruta, comia muito nos meus tempos de Bolivia, VALEUUUUUUU

Thomaz Júnior disse...

Olá, Neide,
Li sobre seu blog, em um artigo na Folha de São Paulo,da Colunista Nina Horta, se não me engano. Era uma edição do mês de setembro de 2007, mas li esta semana folheando o exemplar na sala de espera do escritório de um cliente.
É a primeira vez que visito o blog. Parabéns! Gostei muito!!
Fiquei até com vontade aprender a cozinhar, ou pelo menos preparar um peixe... rsrsrs
Bom, o fato é que seu trabalho faz jus a todos os elogios tecidos pela colunista da Folha.
Parabéns mesmo!!
Desejo votos de muito sucesso para você, abraços!
Thomaz Júnior
Manhuaçu - MG

Catarina Chagas disse...

Puxa, eu conheço isso como gabiroba...

Anônimo disse...

TENHO UM PÉ DESTA FRUTINHA EM MINHA CASA...HJ ESTÁ PARECENDO UMA ÁRVORE DE NATAL COM TANTAS FRUTAS. ACHO QUE VOU É VENDER!!! VAI SER GOSTOSA ASSIM LÁ EM........CASA. ABRAÇOS.

PAULO GOIÂNIA

Anônimo disse...

Neide,
Conheci esta maravilha em dezembro de 2010 na casa de um amigo, e ele não sabia o nome dela, estávamos num aniversário de criança, o mesmo de sempre : amigos adultos com seus pimpolhos, balões etc, foi então que alguém teve a idéia de experimentar a tal frutinha,foi um sucesso o bolo foi deixado em segundo plano literalmente...Saí de lá com algumas dezenas no porta malas, mas não consegui fazer mudas das sementes uma pena... Ah, só descobri o nome dela hoje dia 05/03/2011 e estou a procura de mudas para comprar se alguém tiver meu e-mail é:wagner.f.soares@hotmail.com

AUREA disse...

OI GENTE, CONHECI ESTA FRUTINHA HOJE FOI UMA COLEGA DE TRABALHO QUE PRESENTIOU, AMEI ALEM DE GOSTOSA ELA É SAUDAVEL PESQUISEI SOBRE ACHACHAIRU E ME SUPREENDI COM SEUS BENEFICIOS, VAMOS CONSUMIR. PENA QUE É TÃO DIFICIL DE ACHAR. BJ AUREA XAVIER PERNANBUCO

Anônimo disse...

Neide, la verdad es una fruta espectacular, su origen es la zona oriental de bolivia en el departamento de santa cruz, el pueblo donde se centra la produccion se llama PORONGO esta a 15 km de santa cruz de la sierra su nombre comun es ACHACHAIEÚ y su nombre cientifico HEEDIA GARDENIANA.
Yo vivi 6 anos en BH Brsil y plante un arbol en la plaza sete espero que algunos brasileros esten disfrutando de la fruta.
mi nombre es IVES mi mail planplot@cotas.com.bo
abrazos

Bruno da Cruz disse...

Vou comprar semente de achachairu na internet e semear em Portugal, seria fantástico ter uma árvore dessas por cá. Já experimentei semear caju que trouce do Brasil, germinaram facilmente mas no inverno morreram com o frio, já não cabiam na pequena estufa onde as criei, as pequenas árvores chegaram a ter 50 cm.
Parabéns pelo blog.

Aqui ficam links com mais algumas informações sobre a “Achacha” como lhe chamam na Austrália na primeira plantação em massa:
http://www.achacha.com.au/
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000100049
http://www.pivot.com.br/servicos/guaresi_/?ir=3&id=125

Cumprimentos,
Ass.:Bruno da Cruz (Portugal)

Anônimo disse...

Passeando ,hoje,em Goiânia conheci esta maravilha...comprei uma caixa apos experimenta-lá no mercado.Amei ...as crianças adoram e devoraram a caixa..vou amanhã comprar mais!guardei as sementes todinhas.Será que no Estado do Rio,próximo a praia ela irá frutificar?Vou tentar.Namir Góes. Namir.cristogoes@gmail.com

Charito Peraza disse...

eu conheçy o o achachairu boliviano, realmente é muito saborosa e é muito consumida em Santa Cruz de la sierra e todo o Oriente Boliviano, a palavra "achachairu" é de origem guarani e significa "beso de mel

Anita Santoro disse...

Gente a frutinha é maravilhosa! Uma delícia indescritível. Conheci em Santa Cruz na Bolívia no carnaval deste ano e me encantei. Chupei e trouxe sementes esquecidas no bolso do casaco. Se nascer aviso.
Se alguém tiver mudas no Brasil eu quero!
Estou no Estado do Rio, Siva Jardim e sou produtora de orgânicos certificados.
Uma cliente da feira da Urca,do Circuito Carioca de feiras orgânicas, me falou do blog! Estou amando. Todos os dias leio um pouco! Parabéns pelo Come-se, qualquer elogio é pouco!

Neide Rigo disse...

Anita, sim, a fruta é deliciosa. Talvez encontre mudas no viveiro Ciprest - tem link no blog - ciprest@terra.com.br. Eles mandam por correio.

Que bom saber que está gostando do blog.

Um abraço,n

Andrea Isobata disse...

Oi Neide, ouvi dizer que seu caroço, quando tostado e moído, tem sabor de café com chocolate! Não experimentei ainda. Você sabe algo a respeito?

Janaise J.F disse...

Poço ter um pé de achaicharu em casa ou ele nao pega em determinados solos