quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Pancnacity de 28 de setembro de 2018

Colheita de alho silvestre (Nothoscordum gracile) 

Só pra não perder o costume, deixo aqui registradas as fotos do último Pancnacity: 

Almeirão de árvore (Lactuca canadensis) 

Major-gomes ou língua-de-vaca (Talinum paniculatun)

Bredo ou amaranto ou caruru (Amaranthus deflexus) 

 Com pinta roxa. Bredo ou amaranto ou caruru (Amaranthus deflexus) 

Bredo ou amaranto ou caruru (Amaranthus deflexus) Minúsculo e só
tem pinta roxa quando está nesta esquina. Já replantei em casa
 e ele fica igual ao outro comum.  

Buva (Conyza bonariensis). Folha apimentada.

Chanana (Turnera subulata). Flores docinhas que se abrem pela manhã.

Provando tumbérgia roxa que tem sabor de cogumelo. Aprendi com V.Kinupp,
mas ainda preciso estudar mais a respeito. 

Estrepolia para colher jambu 

Agrião do mato (Drymaria cordata) crescendo na saída de água. 


Flor de dente-de-leão

Urtiguinha mansa ou erva-pepino (Parietaria debilis), tem sabor de pepino

Serralha (Sonchus oleraceus)

Várias panc reunidas em torno de uma outra panc - palmeira jerivá 

Tansagem (Plantago australis) 
Colheita do dia 

Panc da casa 

Creme de inhame com leite de coco, jenipapo verde, cumaru e vinagre de umbu

Talos de taioba e de aspargos com creme, ao forno 

Manteiga com ervas, pão de abóbora com cúrcuma  e kombucha de hibisco

Curry thai com jaca verde, salada de mamão verde, arroz com panc,
talo de taioba com aspargos, salada de almeirão de árvore, ora-pro-nobis,
kimchi e umeboshi da casa 

No meio do caminho, cogumelo Ianomami (Lentinus crinitus) 

Brotos de Ginkgo biloba

Colhendo flores de chanana

A turma do dia!




Roseta ou cuspe-de-caipira ( soliva anthemifolia ) 

Manteiga com pólen de abelhas nativas, limão, flores e trevos 



Nenhum comentário: