quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Chuchu recheado. Chayote relleno

Em Porto Rico o chayote relleno é um jeito comum de se preparar o chuchu e foi minha inspiração. Por aqui chuchus não costumam ser escavados e recheados, mas é um prato que pode ser único quando se quer uma refeição mais leve.

Gosto de salada feita com o vegetal cozido ou refogado simplesmente em óleo e alho, com cheiro verde e pimenta-do-reino no final. Há tantas outras formas de prepará-los, porém, com tantos chuchus esperando uso,  resolvi experimentar uma receita nova para variar.


Voltei de Curitiba com tantos chuchus na bagagem que minha mãe não acreditou que eu pudesse carregar a mala. O chuchuzeiro cresceu num pequeno muro, no jardim/ horta da minha mãe (como o meu, é tudo misturado, flores e utilidades) e a maioria dos que trouxe já estava brotando em cima do telhado da vizinha, que por acaso é minha irmã. Coloquei a escada, puxei com o rodo e recolhi quanto pude. Um tanto, ainda deixamos na calçada para que os pedestres pegassem.

Os brotados que trouxe já presenteei e plantei no sítio. Sobraram alguns não brotados, bastante espinhudos.  Já tive um parecido na grade de frente da minha casa, só que este é muito mais agressivo. Os "espinhos" incomodam na hora de colher, porém, basta passá-los por água morna que eles abrandam.  Bem, aqui o jeito que fiz, meio sem receita, que não precisa.

Um deles era felipe

Chuchu recheado

Com um descascador de legumes, tirei o excesso de casca e "espinhos". Escavei para tirar os germes (que usei depois). Cobri com água, temperei com sal e deixei cozinhar por 30 minutos ou até que ficassem macios. Escorri e escavei mais - esta polpa cozida e escavada, piquei e reservei.


Na frigideira com óleo, juntei uma pitada de cominho e deixei começar a pipocar em fogo médio. Coloquei alho e cebola e refoguei até dourar. Acrescentei a carne moída (300 g para 6 chuchus) e temperei com sal, pimenta e alho negro da Marisa Ono picado (não precisa, mas eu queria usar). Refoguei até que ficasse cozida e soltinha a carne.  Juntei a polpa do chuchu reservada,  uma pitada de páprica defumada e salsinha picada (em Porto Rico é comum juntar azeitonas e passas, além de tomate - veja no google, há várias receitas).

Distribuí a carne entre as concavidades e cobri com pão ralado misturado com queijo da canastra (meia cura) e requeijão moreno (de Minas também), ambos ralados.Coloquei por cima uns pedacinhos de manteiga, levei ao forno quente e deixei dourar um pouco. Na hora de servir, juntei mais canastra puro. E comi com mais nada. Nhac.


Os germes, dourei no azeite e nhac também!  (são adocicados, com sabor que lembra alga)





8 comentários:

priscilla disse...

Chuchu Felipe! Há anos não ouvia esse termo! Minha avó quem falava que frutos/legumes grudados eram Felipe. Também dizia q quem comia um Felipe poderia ter filhos gêmeos!
Q saudade!

Anônimo disse...

Nossa Neide, você fez rememorar minha infância com o termo felipe. Nós disputávamos a fruta felipe...bons tempos!
Adoro chuchu, e faço de várias formas, pois ao contrário de muitas pessoas, eu sinto o sabor do chuchu.
Vou experimentar esse assado, que por sinal ficou com uma aparência muito apetitosa.
Sou grata sempre!
Bjs

silvia lopes disse...

Em casa de minha mãe era bastante comum esse prato de chuchu recheado com carne moída; era coberto com molho branco e parmesão ralado por cima. Eu mesma já o fiz muitas vezes mas faz tempo que não faço, agora farei pra matar a saudade.
Bj

adelia sylvia penna ramos disse...

Por incrível que pareça, esse era um prato comum na minha infância em Sampa! Tinha esquecido dele, mas agora vou fazer, acho delicioso!
Beijão, Adelia

adelia sylvia penna ramos disse...

Em tempo: agora, SEM carne!

Anônimo disse...

Neide com ovo feito mexidinho,faço suflê salada,da pra variar bem,eu gosto.

Leticia Cinto disse...

Eu tb acho que chuchu tem gosto e é bom! Faço mais refogado ou cozido novapor e coberto com um molho com sardinha, por ex, e ovo batido com queijo. Vai pro forno até o ovo ficar douradinho e nhac! Rsss. Achei super bacana esse recheado, nunca tinha visto, vou tentar!

Nhanduti de Atibaia disse...

Neide

Tento sempre comprar chuchu novo pra não ter que tirar a casca (odeio descascar chuchu!) e faço salada com ele picadinho cru. Com atum fica muito bom.
Elizabeth