segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Tortilla de patata ou tortilla española

Pelo menos tortilla de batata parece ser unanimidade entre espanhóis, embora haja variações para a fritada país afora. Tortilha de verduras, de cebola, de angulas, de alcachofras, de aspargos, espinafres, favas, vagens, pimentões, cogumelos, à valenciana - com arroz e presunto ou sobra de paella, murciana, com muita verdura etc.  A de batata é a coisa mais simples de se fazer quando se tem ovos, batatas e cebola. 

No sítio costumo fazer com o que tem. Folhas de cebola, cebola, batata, verduras cozidas, sobras de salada etc, como esta aí em cima. 

Mas as últimas batatas foram colhidas há uns dois meses e três ainda restavam sóbrias na cesta. É incrível como estas batatas colhidas pela gente, cultivadas sem aditivos, duram uma eternidade na cesta, sem brotar, sem apodrecer, sem se fazer notar por qualquer modificação na aparência. Estava aguardando a hora certa para fazer uma tortilha como manda o figurino ou os manuais de receitas tradicionais. É um dos pratos pelos quais suspiro sempre que faço e/ou como. Quente ou fria. Com ou sem vinho. O importante é estar com bastante fome e sem culpas. Tinha acabado de retirar no laboratório o resultado do meu exame de sangue e como está tudo dentro dos ótimos parâmetros de normalidade, fiz logo uma tortilha com três ovos caipiras e usei o azeite que foi preciso para mergulhar cebolas e batatas. 

Parece tudo tão óbvio de fazer, mas como sei que há por aí moçoilas e moçoilos que não tem a mínima ideia de que se pode fazer em casa algo mais delicioso que hambúrguer de rede e quase tão fácil quanto um macarrão instantâneo, deixo aqui o passo-a-passo. Quem sabe você não se anima a começar o ano cozinhando em casa? Tudo bem que é um prato bem gorduroso, mas se feito a cada morte de papa - ou de las patatas -, não há mal nenhum, certo? 

Os ingredientes são estes: 3 ovos, 3 batatas médias, 1 cebola,
 além de sal e azeite para fritar

Frite cebola e batatas (como estas são orgânicas, não tirei a casca - se não
for o caso, melhor descascar)

Não precisa dourar. Basta que as batatas estejam macias. Escorra e retire
o azeite da frigideira - deixe só um pouco para fritar a tortilha

Bata levemente três ovos, junte a cebola e a batata frita e tempere com sal

Aqueça a frigideira e despeje a mistura de ovos. Deixe o fogo baixo

Quando a parte de cima começar a firmar, vire com a ajuda de um prato ou
uma tampa plana e escorregue a tortilha de volta para a  frigideira para
dourar do outro lado

Sirva quando os dois lados estiverem dourados e a tortilha, firme e  cheirosa.
 Junte uma salada e ..

Nhac!




10 comentários:

Mila disse...

Linda e "fácil", vou tentar!!
Abraço!

Anônimo disse...

Poxa, que fácil de fazer. E com sustância, deve ser muito bom. Vou experimentar. Bjs, Liliana.

Angela Escritora disse...

Então o sítio já está pronto!!! que maravilha! Aqui as batatas plantadas não foram tão boas pois deu muita broca.

Neide Rigo disse...

Mila, não tem erro. É uma omelete com cebolas e batatas, só isso.

Liliana, sim, e não precisa de mais nada além de uma salada.

Angela, pronto?... Em sítio isto não existe, não é mesmo? A gente planta batatas, colhe e logo é hora de plantar de novo. Mas só temos plantado pequena quantidade de casa coisa.

Um abraço,n

Patrizia Monti disse...

Oi Neide.
Parabens pelo blog...eu deixo ele na minha lista de favoritos.
Gostaria de deixar aqui uma receita parecida mas não muito. Minha Nonna que me ensinou, ela fazia na Italia, e não me ensinou o nome em italiano, mas agente chama de Ovos verdes, mas que é a releitura da fritada de batatas mas com salsinha. (e mais saudável tambem), eu particularmente, comeria todos os dias.

Ingredientes
1/2 cebola media
2 batatas medias
4 ovos grandes
1 xicara de chá de salsinha
1 xicara caldo de legumes
azeite (à gosto para refogar)
alho à gosto (coloco pouco)
sal à gosto

Modo de preparo

Cortar as cebolas em cubos pequenos e refogar em uma frigideira alta, que você possa acrescentar 3 dedos de água aproximadamente. Acrescentar o alho para dourar um pouco e a salsinha e dar uma leve fritadinha, cuide para não queimar.
Cortar as batatas em rodelas de 1cm cada e forrar bem a frigideira.
Acrescente o caldo de legumes, o sal e vá colocando água de forma que as cubra as batatas e deixe em fogo médio para cozinharem.
Com um palito, vá verificando o cozimento das batatas, quando estas estiverem começando a amolecer, abra os ovos e coloque por cima das batatas, se precisar acrescente um pouco mais de água para eles cozerem, a água com a salsinha deixa os ovos esverdeados, quando a água secar, está pronto para servir.
Eu gosto deles bem durinhos, mas há quem goste dos ovos mais moles, dai você deve usar seus dotes culinários que são melhores que os meus com certeza e preparar aquele banquete.

"Uma singela homenagem à minha querida Nonna, que me faz tanta falta com sua polenta ao ragu de carne, e seus franguinhos com quiabo...e claro, todo amor a seus netos dedicado"

Beijossss
Patrizia


Anônimo disse...

Adoro tortila espanhola! Mas faço com as batatas cozidas no vapor que depois eu refogo com cebola dourada em bastante azeite.
Beijo
Daniela

Neide Rigo disse...

Patrizia,
deve ficar deliciosa esta da sua nonna. Vou tentar fazer.

Daniela, eu também faço assim, no vapor, e às vezes coloco as cebolas cruas e elas douram junto com os ovos. Esta outra, que mostro nas fotos, como folhas, foi feita com as batatas cozidas no vapor. Ficam mais saudáveis e gostosas também.

Um abraço,n

Mariangela disse...

Neide,sempre faço aqui!Já incorporei o hábito.Beijos!

Anônimo disse...

Parabéns pelo blog, do qual sou visitante bissexta. Sem radicalismos, você mostra que existem mais coisas para se comer neste mundo de Deus do que o que nos é oferecido nos supermercados. Parabéns pela manutenção da qualidade e pela fidelidade de propósitos.

Anônimo disse...

Boa dicas.






http://mfreesms.com