terça-feira, 8 de junho de 2010

Chuchuzinhocídio ou arroz com brotos de chuchu e ovo


Primeiro as folhas antes viçosas foram chapiscadas com cimento, agora o talo grosso, que alimentava gavinhas, flores e chuchus em formação, foi esmagado por ripas de telhado. Mas reforma é mesmo sempre esta chateação. E quem se importa com meus matinhos?
Plantei o chuchu na frente de casa, subindo pela escada que dá na sala. De vez em quando tiro as folhas que amarelam para que o aspecto não seja muito diferente, no quesito beleza, de um jasmim-do-imperador ou brincos-de-princesa. Quando surgiram as primeiras gavinhas em molas verde-brilhantes fiquei contente, acompanhei o empenho de cada uma tentanto alcançar um apoio e depois dar voltas e voltas na grade para garantir segurança. Mas quando vi a primeira flor e logo depois o primeiro arremedo de chuchu como um chumacinho de veludo foi uma felicidade imensa.
Eram várias as cambuquiras que saiam daquele galho-pai apoiado no beiral da grade. E todo dia passava por elas, apreciando, chocando os chuchuzinhos. Só que ontem me deparei com a maior parte do chuchuzeiro desabada e murcha, suspensa apenas pelas gavinhas, que resistem até a completa secura. Fiquei triste e com raiva, mas me consolei logo quando percebi que só os brotos com folhas novas, flores e minis chuchus já encheriam uma mão suficiente para uma omelete ou uma porção de arroz. Escolhi juntá-los ao arroz branco, cateto, molinho, e joguei um ovo caipira por cima. Prato único para um dia frio de consolo, com a gema mole, pra comer na panela, no colo, de preferência de colher.
Arroz com brotos de chuchu e ovo

Numa panelinha de ferro, refogue cebola em óleo, sem deixar dourar. Junte uma mão de brotinhos de chuchu (flores, gavinhas jovens, folhas novas e chuchuzinhos) e deixe mudar de cor. Acrescente meia xícara de arroz cateto ou outro que fique macio. Mexa um pouco, adicione meia colher (chá) de sal e 1 xícara de água quente. Abaixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por cerca de 15 minutos. Quando não houver mais água e o arroz estiver macio, desligue o fogo e quebre por cima um ovo. Polvilhe com sal e pimenta, tampe a panela e espere dois minutos ou até que a clara esteja opaca. E coma!

11 comentários:

Anônimo disse...

OI Neide,aprendi mais esta do chuchu, pois a cabuquira ta dificl, eu uso o broto do chuchu, agora vou fazer esta receita,pois é tempo de chuchu rsrs,quero ir em Fartura bjs. (Diu)

Eliane disse...

Teu prato parece delicioso, mas fiquei com do do chuchuzeiro, se fosse aqui em casa ja tinam rolado cabeças hihihihi

Anônimo disse...

Olá Neide, isso que você fez é "comfort food", faz bem pra alma. Reforma sempre é um horror pras plantas, o pessoal não dá a mínima e ainda acha que a gente é pirada por se preocupar com matinhos. Você pode matar um ou dois pra ver se os outros aprendem, mas não adianta nada... e ainda deixam a reforma pela metade. Não fique triste, plante um outro e já vai mostrando pra todos e avisando. Um beijo. Chus

Lidia disse...

Adoro teu blog, Neide. Passo aqui sempre!

O comentário acima, do Anônimo, foi engraçado.
Não consegui deixar de rir, porque eu chego ao ponto de pensar se prefiro minhas plantas ou a reforma...

De qualquer jeito, gostei do post, pois nunca soube que brotos de chuchu eram comestíveis.

Beijão!

Lidia - http://lidiaranoi.blogspot.com

claudia disse...

Olá Prima! Bom,conforme o combinado voltei do sitio com o seu fubá e outras "Farturinhas". Se voce estiver muito ocupada, me diga onde eu te entrego. beijos Claudia.

Neide Rigo disse...

Diulza, cambuquira de chuchu é também uma delícia. Às vezes é encontrada na feirinha da Água Branca.

Eliane, se eu começar a encrencar com isto, não sobra um.

Chus, eles já estão ficando mais espertos.

Lídia, obrigada. Vou aproveitar depois pra ir melhorando o jardim.

Claudia, que maravilha! Vou ver se consigo passar aí na quinta. Pode ser?

Um abraço, N

Angela disse...

Ah! agora é tarde. Fica para o próximo! dá uma olhada no meu pé
http://angelaescritora.multiply.com/photos/album/171/171

Juliana disse...

Que delícia aquele ovinho sobre o arroz. Me deu até fome!

bjs

Neide Rigo disse...

Angela, coisa linda aquelas fotos. Obrigada. Ah, também tem chuchu brotando, que é um desbunde. Veja o filminho: http://come-se.blogspot.com/2009/10/brotos-em-revoada-ou-brotos.html. E algumas receitas aqui: http://come-se.blogspot.com/2008/08/bom-pra-chuchu.html. Adoro chuchu! beijos, N

Juliana, então já pra cozinha!

beijos, n

claudia disse...

Ok! Te espero na quinta.
Vamos almoçar?

Nina disse...

Ai, babei mesmo pela gema amarelinha do ovo!

Beijo