terça-feira, 20 de junho de 2017

Pancnacity de 12 de junho de 2017 com os cozinheiros do Arturito


No dia 12 de junho, dia dos namorados, fizemos o Pancnacity com os cozinheiros do restaurante Arturito. Mesmo sabendo que teriam um longa jornada, com o restaurante bombando à noite - e ninguém estava de folga, claro - , saíram animados pelas ruas reconhecendo espécies comestíveis. E os meninos românticos ainda colheram flores para dar às namoradas para comemorar o dia. Muitos acham que não sabem nada de Panc e aí a gente vai conversando com um e com outro e descobre que alguns conhecem espécies que em suas terras são dadas a porcos e não a gentes. E que são panc espécies que já comeram quando crianças, mas que deixaram pra trás. E que panc também pode ser espécies convencionais em estágios não convencionais ou variedades não convencionais.

Na Horta City Lapa já encontramos batata doce roxa, araruta, hibisco, malvavisco, e tantas outras. Nas ruas próximas, urucum, maçã de elefante, amendoim de árvore, beldroegas, caruru e outras folhas. Na foto acima, um pouco do que colhemos e identificamos.  E a seguir algumas fotos do encontro cheio de graça.


Colhendo batata doce roxa

Achou uma!

Araruta

Cozinheiro Panc

Eles se encantaram com o amendoim de árvore 

Na volta do passeio, sempre tem pão!

E comida panc!

Torta de maçã de elefante, mamãozinho da serra, creme de mandioca com
vinagre de umbu 
Mamãozinho da serra (Vasconcellea cauliflora) - não é jaracatiá 
Torta de maçã de elefante - bem ácida - lembra torta de maçã - a massa
foi feita com farinha de mandioca (de raspa) em vez de trigo 
O mamãozinho da serra recheado com doce de coco 


Um comentário:

Diego Manoel disse...

Sempre fico babando essas fotos, vou ver se consigo participar durante as férias.