quarta-feira, 18 de maio de 2016

Flores de moringa em Uauá e em São Paulo. E outras panc de Uauá



A cidade de Uauá é em grande parte pavimentada sem uma fresta sequer nas calçadas estreitas. Mas há ruas ainda por asfaltar e uma rachadurinha aqui e ali junto às paredes. Se num primeiro momento não há plantas alimentícias não convencionais dando sopa no espaço urbano, você vai andando e reconhecendo um cariru ali, um bredo acolá, um . E algumas árvores de Moringa oleifera (já falei dela aqui) com profusão de flores e frutos comestíveis. Mas ninguém sabe e as vagens vão secando ali mesmo.  

Não colhi flores ou vagens para trazer porque a mala já estava cheia demais. Mas, veja só a coincidência, chegando aqui, minha vizinha de bairro, a indiana Shakuntala, me convidou para um tchai em sua casa. Sempre experimento comidas diferentes ali e aprendo um bocado. Só o tchai é que nunca consegui fazer um tão bom quando o dela.  Desta vez serviu um curry de carneiro para comer com pão chamado  bunny chow, como se costuma servir na África do Sul, onde morou. Mas o que mais gostei foi de experimentar as flores de moringa num refogado apimentado.  Há uma árvore de moringa numa pequena praça em frente à casa dela - vou colocar no roteiro no próximo Pancnacity. Então, vira e mexe ela está ali colhendo folhas, flores e vagens.  

Flores de moringa apimentadas 

Não repeti ainda a receita, mas ela disse que é basicamente assim:  Refoga em óleo alho, cebola e pimenta seca. Junta as flores lavadas de moringa e vai mexendo em fogo baixo para murchar. Acrescenta sal e gotas de água quente só para deixar a mistura úmida. Uns cinco minutinhos e está pronto. Sirva com arroz, pão, sozinho.  É muito bom!  Se tiver oportunidade, experimente. 

E, a seguir, a moringa e outras panc que encontrei em Uauá. 





Bredo rajado, encontrei na rua. Trouxe muda. 

O pé de moringa, em Uuauá, carregado de vagens e flores 

Bredo, vagens de moringa, beldroega, flores de moringa, xanana e
tagete huakatay - tudo achado nas ruas de Uauá


Renata e Ana Luiza Trajano participaram do Pancnacity versão Uauá

Espinafre africano ou celósia - Celosia argentea  (comem-se as folhas jovens
cozidas), onze-horas (flores) e xanana (flores e folhas)


Melão-de-São Caetano. Verde, como legume. Maduro, pra chupar a semente


Fruto de mandacaru 


Cariru, também conhecido como bredo (Tallinum triangulare). Mas gostoso
que o parente que encontramos em São Paulo - T.paniculatum ou major-gomes,
lobrobó,  língua de vaca, beldroega de folha grande 

8 comentários:

João Pedro Diniz disse...

Gosto sempre de ler o Come-se, principalmente estes texts dos PANCs, cheios de nomes que nunca vi, como se fossem saídos das histórias do Sandokan, e tento imaginar os sabores e as texturas nesse mundo tropical onde tudo cresce.

Neide Rigo disse...

João, que bom saber disso. Mas está convidado a vir conhecer e provar de tudo o que encontro. Mas saiba que muitos brasileiros (acho que a maioria) também desconhece estes ingredientes que mostro aqui.
Um abraço,n

Carol disse...

Ola Neide! Talvez seja uma duvida boba, mas fico pensando: ha uma dica de lavagem especial pra essas plantas e frutos que a gente colhe na cidade? Sempre fico com a pulga atras da orelha se so com agua e vinagre se consegue tirar todas as substancias toxicas que vem do escapamento dos veiculos, se coco de passaros podem transmitir doencas (claro, a gente pode escolher as partes livres dessas coisas)… mas nao sei essa resposta.
E, mais uma vez, obrigada por existir e compartilhar por essa internet. :)

Neide Rigo disse...

Carol,
muito do que coleto na rua, não como. Só identifico e replanto no meu quintal. Mas se quiser comer, use em pratos cozidos e não crus. Quando for consumir cru, prefira os que ficam acima do solo como folhas de hibisco, por exemplo. E sempre higienize com hipoclorito.
E lembre-se que a contaminação química dos tomates que compramos nos supermercados não saem com nada.
Espero ter clareado.
Um beijo,n

Carol disse...

Obrigada pela resposta.

Pois eh, tomate, morango, alias, frutas e legumes compro organicos. Os beneficios e a boa saude pagam a conta. ;)

Onde moro a oferta eh grande desse tipo de produto.

Um beijo!

Marcia Furlaneto disse...

Oi Neide,enlouqueço cada vez que vc mostra seus pães,receitas e panc's,adoro as panc's,queria saber co o faço para reconhecê -las,tenho medo de comer coisa venenosa...dicas?obrigada,eu amo seu blog.......amoooooo..bj

EMRC disse...

Que legal, encantador! Tão bom se tivesse um catálogo sobre estes comestíveis menos conhecidos..Que tal?

LMSS disse...

A celósia é comestível???
Estou passada! Tivemos várias aqui em casa e eu nunca imaginei que as folhas jovens fossem comestíveis!!