sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Jabuticaba. Congela-se


Sabe aquelas jabuticabas da Juliana? Pois resolvi congelar o pouco que sobrou pra ver se daria certo. Depois de provar as bolinhas de sorvete mais deliciosas do mundo, me arrependi por todas as jabuticabas que já vi apodrecer no pé, azedar na geladeira, estragar na fruteira. Como ficam boas! Talvez já tenha experimentado e eu tenha sido a última a descobrir, mas se eu estiver errada e você nunca ouviu dizer que jabuticaba congela bem, experimente e me diga se não tenho razão. Está certo que ela não vai mais explodir entre seus dentes como um nectar esferificado, mas vira um picolé da melhor espécie, que jamais poderá ser reproduzido pela engenharia do homem. E os dois inconvenientes da fruta deixam de sê-los. A casca fica mais macia, talvez por ter se explandido, rompido algumas fibras, não sei. O fato é que se torna muito mais mastigável e menos tânica. E as sementes que são sistematicamente engolidas por impossibilidades práticas de separá-las da polpa (talvez por isto não se vêem por aí jabuticabeiras como se vêem pitangeiras), podem ser isoladas pelos cortes com faca sem dificuldade alguma, já que a polpa congelada fica firme mas não dura. O açúcar impede o empedramento como gelo e ela fica macia e mastigável como picolé de goiaba. Só que precisa ser cortada enquanto ainda está congelada, claro. 

A técnica,  que não exige mais que lavar e enxugar os frutos e espalhá-los numa bandeja que vai ao freezer, é uma ótima opção para fazer durar mais a safra da jabuticaba. Apesar de termos até três produções num ano, ela é rápida, logo acaba. Ou nos entupimos de jabuticabas ou as deixamos perder. Agora que sei do congelamento, nunca mais serão perdidas. E nunca mais vou deixar de fazer uma caipirinha por não ter limão ou outras frutas frescas à mão. Depois que congelam, as frutas podem ser guardadas em potes plásticos com tampa. Quando quiser, é só tirar a quantidade que vai usar - aos poucos, para poder cortá-las enquanto ainda estão congeladas. 




Caipirinha de jabuticaba

1/2 xícara de jabuticaba congelada cortada em pedaços
1 colher (sopa) de açúcar 
De 90 a 100 g de gelo quebrado ou em cubos
1/3 de xícara (80 ml) de cachaça


Coloque metade da jabuticaba num copo junto com o açúcar. Soque bem até soltar a cor. Coloque o gelo alternado com a jabuticaba restante e despeje a cachaça. Mexa e sirva (decorei a borda do copo com açúcar de jabuticaba - as jabuticabas passas trituradas com um pouco de açúcar - molhei a borda com suco de limão e emborquei o copo sobre o açúcar). 





17 comentários:

SallyBR disse...

Voce nem pode imaginar o quanto adorei esse seu artigo. Explico: sou LOUCA por jabuticaba, mas desde que sai' do Brasil em 1993 nunca voltei na epoca certa. ou seja, vivo em permanente estado de withdrawal syndrome...

mandei seu artigo para minha familia e ja' avisei que quando estiver la' novamente, QUERO UMA BANDEJA DE JABUTICABA e ser deixada sozinha com a mesma! (bom, quero que meu marido prove, porque ele nunca comeu e so' me ouve falar de jabuticaba0

beijao!

(nao comento muito mas estou sempre espiando seu blog, que adoro)

Anônimo disse...

Agora os passarinhos aqui de casa perderam mesmo a vez na minha jabuticabeira!

Só preciso descobrir como eliminar os bichinhos que infestam as frutas, sem usar um veneno muito forte.

Beijo,

Dani

Anônimo disse...

Que ótima descoberta, para refrescar nesse calor.

Uvas verdes sem sementes tb ficam ótimas, congeladas.

São picolés bolinha!

Beijo,

Neusa

Santiago disse...

Boa dica! Eu congelei amora uma vez e achei mais gostoso que a "normal". Fica bom demais! :D

Anônimo disse...

Depois q descobrimos esssa técnica, não compramos mais aquela jabuticaba vendida na rua [1 litro de jabuticaba era suficiente e perdia...]. Esse ano fomos colher jabuticabas em uma fazenda. Colhemos muito mesmo. Separamos algumas para comer. O restante, lavamos, colocamos nos saquinhos e congelamos. Sempre que queremos suco, elas estão lá. Vão no liquidificador com água, depois peneiramos, e bebemos. Nem precisa de açúcar! Jabuticaba para o ano todo! :o)

Fazemos o mesmo com manga (descascamos e congelamos a poupa sem água) e goiaba (congelamos inteira mesmo, em saquinhos suficientes para um suco). :o)

Gabi

cristina disse...

Excelente experimento! Adoro seus experimentos!
Cristina

Juliana Valentini disse...

Ah, Neide Maria... se você não tivesse ido bater perna no evento europeu do Slow Food teria descoberto isso antes e agora não caberia mais uma pedra de gelo nos nossos freezeres. rsrsrs
Agora, só no ano que vem...

Parabéns por mais uma grande sacada!
Beijo grande,
Ju

Santinha disse...

Nossa amei essa dica. Nunca sabia o que fazer com as jabus daqui.
mandou bem!

António Jesus Batalha disse...

Estive a ler as suas receitas e tem protos fabolosos, bem pelo menos de aspeto só quem os experimenta é que sabe a realidade, confio em si, e vou tentar adaptar algumas á cozinha. Quero dar-lhe os parabéns porque eu achei um bom blog.
Meu nome é: António Batalha.
Sou um servo de Deus,e deixo aqui a minha bênção,que haja paz,amor na sua vida, muita saúde e felicidade.
PS. Se desejar seguir meu blog faça-o de forma a que eu possa seguir o seu blog também.

Anônimo disse...

Ah, Neide, que boa notícia! Eu também perdi muitas jabuticabas, mas nunca pensei em congelar ... De agora em diante vou encher meu freezer de frutas, já tenho acerolas, uvaias, abacaxis e mangas. Vai ter suco o ano todo, delícia!!! Liliana.

Nhanduti de Atibaia disse...

Neide

Nesse mote, experimente congelar banana. Fica bem legal.
Abraços
Elizabeth

Profª Doralice Araújo disse...

Bom dia, Neide! Fiz o mesmo com uma generosa porção de amoras colhidas aqui em casa. Quando comecei a comer aquelas delícias pensei do mesmo modo que você.

No próximo ano, quando a minha amoreira frutificar, nada será desperdiçado. Amoras congeladas farão aumentar a nossa alegria.

Abraço \Ô/

Leticia Cinto disse...

Afe, fiquei salivando aqui! Que ótima ideia! Eu já vi outro dia abacaxi congelado e achei a grande ideia da semana (aqui em casa um abacaxi é muito). Agora ninguém segura, vamos aproveitar tudo e desperdiçar nada :)

EduLuz disse...

Oi, Neide.
E pensar que eu doei um montão de jabuticabas da última safra.
Acho que os meus parentes não gostarão desta tua idéia. :)
Bjs.

Anônimo disse...

Oi Neide adoro as coisas que você escreve. Quando morei no Japão, nós congelávamos as uvas bem doces. Ficam muito gostosas. Mas tem que ser daquelas uvas graúdas e doces como a uva Beni Izu e Pilar Moscato.

Vivi disse...

Essa dica já conhecia desde pequenininha, pois minha mãe fazia pra gente lá no interiorzão de Minas, já que sorvetes e picolés não existiam por lá.

Foi muito bacana ver que mais alguém descobriu (e repassou!) o segredo!

Parabéns!

PS: claro que copiei as demais receitas com a fruta! (rsrsrsr)

Anônimo disse...

Que bom tbm nunca congelei,agora farei assim com certeza, pois eu já gosto de congelar várias frutas, inclusive quero dizer que a acerola tbm fica macia e até dá para cortar e tirar o caroço com um pouco de perda da poupa, na hora da pressa vale a pena.