segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Limão Kafir, lemoneide. Resposta à charada do post anterior

Quem conhece o limão kafir e tem em casa matou a charada. Muitos sabiam que era um cítrico, mas quem nunca viu um brotinho deste limão não tem mesmo como saber. É que entre a abertura da flor, a polinização pelos insetos e a prenhez da flor até virar fruto é um caminho tão mágico, com fases tão bonitas, que não resisto a tirar fotos. E, claro, espero o fruto que é a chegada desta trilha. Ganhei a mudinha no ano passado (postei sobre ele aqui), foi presente do Edilson, da Ciprest. Ela chegou com brotinhos, mas nenhum limão vingou. Desta vez estou em vigília para que não falte água à planta e na torcida para que algum sobreviva. Torça comigo.
É só mais uma tentativa. Se desta vez não der certo, o limoeiro vai pra praça, como tenho feito com algumas plantas que não vão bem em vasos.
Enquanto os frutos não vêm, as folhas fazem a alegria da cozinheira. Uso para carnes e frango, trituro com alho, cebola e outros temperos para fazer marinada etc. E já dei o Rendang aqui, que é uma delícia. Hoje pensei em misturar com açúcar.
Triturei algumas folhas com açúcar cristal (usei orgânico, mas use o que tiver em mãos só para experimentar) no liquidificador. A diferença com outras folhas de cítrico é que este tem cheiro de citronela, mas num tom agradável que combina com doces e salgados sem parecer desinfetante.
Lemoneide: sempre que servia limonada a um amigo nosso, ele dizia que não era limonada, mas lemoneide. E ficou. Então, aqui vai uma variação da minha lemoneide: triture o açúcar com as folhas (algo como 1/2 xícara para 8 folhinhas de limão kafir), peneire. Umedeça a borda do copo e passe neste açúcar. No copo coloque um pedaço de limão tahiti, outro de limão galego (ou ainda uma fatia de limão rosa) e uma folha de limão kafir. Dê uma ligeira apertada com socador de vidro e junte algumas pedras de gelo. À parte dilua o açúcar perfumado na quantidade no seu costume com suco de limão também a gosto. Despeje sobre o gelo. Complete com água gelada, mexa e sirva. Um limonada refrescante com sabor intrigante.

Cubinhos de açúcar. Aproveite o que sobrou de açúcar, umedeça ligeiramente com umas gotas de água só para formar uma farofa úmida e solta. Aperte este açúcar em formas de gelo com formato de cubinhos. Tem que apertar bem para moldar. De uma só vez emborque a forma sobre uma tábua para desenformar os cubinhos e coloque para secar ao sol. Se tiver sol forte, em 1 hora já estão durinhos. Se não, é só deixar de um dia para outro em local seco. Para um café ou chá diferente. Você vai perceber que quando o líquido fervente entrar em contato com os pedacinhos de folha que restam nos cubinhos (apesar de peneirar, uns pedacinhos passam), o aroma ficará mais pronunciado com esta infusão.
Para quem quiser ter um pezinho
Edilson Giacon
Fone (19) 3451-5824 / 9144-7580
Ciprest - Mudas de Plantas - Limeira- SP

9 comentários:

Sabrina disse...

Caramba, Neide, adorei as dicas! Abraço

Anônimo disse...

Oi Neide, adorei mas não tenho esse limão. Dá pra fazer com outro do tipo galego ou taiti?
Um abraço,
Liliam

Neide Rigo disse...

Liliam, vai ficar diferente, mas igualmente bom. Dá, sim.
Um abraço, N

SUZETE disse...

Oi Neide não conhecia esse limão.
Será que acho muda em Jundiaí?
Estarei torcendo por vc, tenho uma muda de amoreira em vaso e qdo deu suas 2 amoras pequenas fiquei tão feliz, não desiste não talvez se depois plantar em um vaso um pouco maior ele desenvolva melhor ahn este ano ela não deu nenhuma, talvez pque mudei de casa e cidade o ano passado, mas estou esperando novas amorinhas.Bjos.

Nadia Marrach disse...

Hummm, que delícia a lemoneide!!! Os cubinhos de açúcar, então, são um charme! Vou experimentar com folhas de limão siciliano por enquanto.
Limeira é aqui pertinho e qualquer hora vou conhecer o viveiro do Edilson pessoalmente!
Ficarei na torcida pelo limão kafir enquanto aguardo minha primeira "safra" de grapefruit (tem quatro!!!)

cronicas gulosas disse...

Acertei 50%!!!Abs

Neco Torquato Villela disse...

Oi Neide,

Tô querendo fazer essa sua receita de Rendang. Já tenho todos os ingredientes, só falta a raiz galanga, sabe onde posso encontrar?

Obrigado e inté!

saru disse...

Cara Neide, Boa Tarde
Procurando por fermento natural(caseiro)conheci seu blog e sua receita com a exelente explicação de como fazer panetone com esse fermento.Fi-lo(O Janio Quadros não é do seu tempo).O resultado foi ótimo).Agora todos os dias visito-a.Voce é muito clara e prática com as receitas e seu modo de escrever é gostoso e prazeiroso de se lêr.

Neide Rigo disse...

Saru, obrigada! Que bom saber do panetone. Você poderia deixar o comentário lá. Assim, incentiva outros a fazer.
Um abraço, N