terça-feira, 6 de agosto de 2013

Tem tacacá na Tietê

Não é todo mundo que sabe que sopa é esta. Mas muita gente já provou em Manaus, Rio Branco ou Belém. Ou ao menos já ouviu falar. Então, se você tem saudade desta sopa feita com tucupi, jambu, camarão seco e mingau de goma ou curiosidade em conhecer, não precisa voltar ou ir para o Norte. É só dar uma passadinha na Alameda Tietê, nos Jardins, onde está agora o restaurante Tordesilhas.  Toda primeira quinta-feira do mês a chef Mara Salles vai botar o caldeirão no alpendre e servir tacacá na calçada a quem tacacazar quiser. É sopa para se tomar em pé, com a cuia nas mãos, mas quem preferir se ajeitar no restaurante, também será bem servido. É sopa pra refrescar no calor  - jambu produz sensação de halls, sabe como é? - e aquecer no frio, pois o tucupi quase que embebeda. Ela começará a servir às cinco como as tacacazeiras do Norte que montam suas barraquinhas no começo da tarde. É o nosso chá das cinco, afinal. Vamos lá? 




08/08/2013 – Quinta-feira, das 17 às 20 horas - ou até acabar o tacacá.  Preço, R$ 12 e R$ 16,00 (cuia pequena ou grande). Embora o tacacá esteja no cardápio do restaurante, neste dia o preço será 20% menor. 
Onde: Alameda Tietê, 489 - Jardins, Sâo Paulo - SP - Tel. 11 3107-7444

4 comentários:

Profª Doralice Araújo disse...

Programa imperdível; o Tacacá é um delicioso porta-voz dos genuínos ingredientes amazônicos, Neide Rigo. Ah...se eu estivesse em SP...

Anônimo disse...

Neide a sensação do jambu é igual a da pimenta de Szechuan, que da uma dormecia na boca? tava cá pensando já pensou se ela pode fazer cada dia de uma região eu iria para comer berem, pois o meu não dei conta de fazer.(Diulza)

Neide Rigo disse...

Doralice, pois venha uma quinta dessas.

Diulza, sim, o jambu dá uma sensação de anestesia na língua, mas é passageira. Vou dar a sugestão do berem.
Um abraço,n

Anônimo disse...

Com certeza tomarei tacacá da próxima vez que for à S.Paulo, adoro!
Beijo
Sil