sexta-feira, 5 de julho de 2013

Dendê vira sabão. Ou engenhoca pra fazer sabão

Não, não é a cadela Dendê na época da carrocinha. É só o azeite de dendê que vou juntando no vidro misturada a outros tipos de gordura. Este azeite de dendê que trouxe do Senegal é tão vermelho que basta um pouquinho dele usado na fritura do peixe e todo o resto fica, assim, tingido. Já há um tempão que estou tentando encher o vidro pra fazer sabão, mas como cheguei a dois litros, metade deste que já postei aqui.

A diferença é que, com minha super engenhoca, fazer sabão ficou muito mais fácil. Eu tinha uma inquietação para tentar resolver isto. Prova disto é aquele sabão líquido que bati na máquina de lavar. Esta solução é muito mais segura, diga-se. 


O de abacate 
A estreia da batedeira foi com um sabão de abacate, mas não vou dar a receita porque ainda preciso aprimorá-la. E depois quero testar a receita do Seu Waldemar, deste vídeo, que também desenvolveu uma engenhoca. De qualquer forma, tenho usado na cozinha e para lavar roupa - mas está empastando a palha de aço na hora de arear o alumínio areadinho como prata. Papo de comadre, este, mas sabão bom é aquele que deixa a panela brilhando. Pouca coisa cozinho em alumínio, mas gosto de mantê-los, ao  menos por fora, brilhando, brilhando. Parece que a comida fica mais gostosa. 

Bem, não vou falar do sabão especialmente, mas da engenhoca que pode facilitar a vida de quem sofre destas esquisitices que é querer fazer as próprias coisas. Se não dá trabalho, te faz feliz, não faz mal a ninguém e você ainda sente alivio por aproveitar o óleo da maledeta fritura que faz agora aquele bolinho frito parecer tão inofensivo, por que não?  E, contra os que dizem que você quer viver do passado, mostre que tem a  tecnologia como aliada de suas esquisitices e que isto pode ser uma experiência mística, ops química, daquela aula de saponificação de que ninguém mais se lembra  - alivia a sua parte. 

Então, fiquemos com parte da baixa tecnologia: você pega uma batedeira de bolo, destas manuais - sem o apoio e a tigela, veja se ela tem algum garfo ou apetrecho que você poderia dispensar. No meu caso, nunca uso o batedor de claras, já que os outros garfos dão conta do recado. Aproveite que ela tem um encaixe na máquina e faça ali um enxerto, tendo a dita como cavalo. Então, o que fiz foi cortar as hastes com um alicate e usá-las para juntar ali uma colher de pau velha. Para facilitar a costura, furei a madeira com um ferro quente. Aí foi só emendar bem com fita isolante. Mas se você é homem engenhoso certamente vai encontrar melhor solução para fixar uma coisa na outra, porque homens são bons nesta coisa de encaixe. Ou não? 

E está pronta a engenhoca. Agora é só encaixar na parte do motor e começar a brincadeira. Você precisa de um balde grande para fazer o sabão sem riscos de respingo, afinal a soda pode queimar.  E misture antes a soda com a água, mexendo com um pedaço de madeira ou colher de pau de cabo longo guardada especialmente para isto. Quando ela estiver fria (há uma reação exotérmica quando você hidrata a cal e ela esquenta - lembra desta aula de química?), é que você junta o óleo e o álcool e começa a bater com a batedeira.  Faça no chão, longe de crianças e animaizinhos e mantenha suas mãos e olhos protegidos. Use o aparelho como se estivesse usando o mixer, mexendo em todas as direções,  e o sabão que poderia demorar de 40 minutos a 1 hora para ser feito agora pode ficar pronto em 5 minutos. Quando começar a ficar com consistência de massa de bolo está pronto.  Tire logo do balde e passe para uma bandeja plástica, potes de margarina (servem pra isto) ou caixa de madeira forrada com plástico. Se endurecer no próprio balde, tudo bem, deixe-o aí.  Espere até o outro dia, desenforme, corte em pedaços e guarde em local arejado. Não nhac! 

Aqui as fotos do que já expliquei acima: 








 





Quando engrossa, é só passar para uma caixa plástica - e aproveite o que
restar no balde diluindo com água quente e usando na faxina
Barras prontas guardadas em local arejado, para maturar - depois de um mês,
ficam melhores, sem a agressividade da soda

14 comentários:

Anônimo disse...

Que susto! achei que a Dendê tinha ido dessa melhor para uma pior. kkkk
Sei que estou devendo uma coisa a vc mas não esqueci, ok? Abç
Izabel

Dricka disse...

Adorei a engenhoca, pena que eu esteja sem batedeira até pra bater um bolinho, que tem sido feito no muque mesmo.
Bjs
Ah! Como sou enxerida vou deixar uma dica para colocar o sabão: caixinhas de leite, é só cortar em cima e usar, depois que o sabão endurece corta com uma faca no tamanho desejado, eu testei e aprovei. Bjs, de novo

Georges Lacombe disse...

Neide, tudo bem? Viu esse projeto no site: http://www.gabrielegalimberti.com/projects/delicatessen-with-love-2/

Um abraço,
Georges

Neusa Mitsuko disse...

Neide,tenho feito sabão de outro jeito,direto na garrafa Pet. 1200ml de óleo e gorguras diversas, 200 ml de água ou alguma infusão, 200ml de soda cáustica líquida, vira-se a garrafa de cabeça para baixo umas 15 vezes, e pronto!Descansar por 1 ou 2 semanas e cortar, do jeito que a Drika explicou. Achei a receita no Turista malemolente.

www.turistamalemolente.com.br/sabao-ecologico-receitas-de-sabao-caseiro

Já fiz 3 vezes e deu certo.

Bj
Neusa

Neide Rigo disse...

Izabel, a Dendê tá firme, forte e espoleta. Não está devendo nada, não, imagine. Mande quando puder (e se puder)

Dricka, o problema aqui é arrumar caixinhas de leite... Mas gostei da dica.

Georges, eu vi há alguns dias estas fotos. Lindas, né? Hoje, meu almoço, foi baseada no prato de folhas de abóbora com manteiga de amendoim da avó africana. Ia fazer um post hoje a respeito, mas quero repetir o prato com folhas de abóbora mais jovens que vou colher amanhã.

Neusa, obrigada pela dica. Vou usar sua receita para fazer com a batedeira. Deve ser vapt vupt. E onde acho soda líquida? É só diluir?

Um abraço, n

Neusa Mitsuko disse...

Eu compro a soda líquida pronta, numa lojinha de produtos para limpesa, na vila Sonia.
Neusa

Gilda disse...

Neide, aqui em casa meu apelido é MacGyver, por causa das soluções com que apareço. Mas perto de você, Prof. Pardal de saias, eu fico no chinelo.

Guilherme Ranieri disse...

Neide! Fiz sabão de abacate ano passado, aproveitando os caídos no chão, já bicados por aves e esquilos (sim, esquilos). A cor ficou verde verde enquanto batia, mas depois de alguns dias passou pra um marrom bem escuro. Demorou quase 3 meses para maturar sem ficar muito forte a soda. Nesse meio tempo, o sabão foi perdendo água, desidratando, diferente dos outros. A única coisa que não gostei do meu foi a textura, muito macia. É usar duas ou três vezes que ele derrete igual manteiga. Se o seu der certo, me conte! O meu peguei receita num vídeo no youtube, de um senhorzinho. Que aliás, tinha uma engenhoca pra bater o sabão.

Esse vídeo aqui!
https://www.youtube.com/watch?v=06wzfB1uolU

Carmen Cocca disse...

Querida e inspiradora "guru" adorei a engenhoca e vou providenciar uma dessas urgentemente! Nós que "sofremos dessas esquisitices" como profetizou você, somos tão felizes, né não?
Namastê!

Lili disse...

O título me assustou: Dendê ,sabão...Sabe aquela história do fim dos cachorros presos pela carrocinha? bj

Eliane disse...

Oi Neide faço o meu Sabão de modo muito simples:
Para 7 litros de gordura, 1 quilo de soda Marca Bell diluído em 1 litro de água. Ponho a agua no balde com a soda mexo bem e acrescento a gordura.
Mexo bem com um cabo de vassoura espero mais ou menos dez minutos e mexo novamente quando a massa esta com consistência de mingau ponho na caixa de papelão espero até que comece a esfriar abro a caixa e corto. No principio a massa é escura mas com o tempo vai clareando o ultimo que fiz já esta bem branquinho.

Anônimo disse...

Oi, Neide. Hj mesmo fiz sabão com a receita de meu tio: 5 litros de óleo usado e coado, 1 litro de água e 1 litro de soda líquida. Misturo tudo numa bacia plástica e bato com a batedeira de bolo mesmo, por uns 20 a 30 minutos. Qdo ficar com textura de doce de leite pastoso coloco em caixinhas de leite ou suco e aguardo uns dias para desenformar e cortar. O sabão fica clarinho, é ótimo para lavar roupas e louças. Sua engenhoca é ótima e facilita bastante o trabalho. Bjs Liliana.

Fastmídia disse...

Seu site é saboroso.

CLEBER C disse...

Olá uma ideia compre em depósito de construção o batedor de argamassa custa +- R$ 12,00 é so colocar na furadeira e usar ele é um excelente batedor com cobo de aprox 70 cm distancia o risco de acidente com a soda, se num estiver soda pode acrecentar leite de caixa rs.
Brincadeira mais a do leite, mais cuidado com manipulação da soda conheço gente que foi a óbito por falta de cuidado.

Cleber C