quinta-feira, 1 de abril de 2010

Pra não dizer que não falei: bombom de bacuri


Não é por causa da Páscoa, nem nada, porque não ligo pra comer chocolate nesta data. Aliás, não ligo pra chocolate em época nenhuma. Como, gosto, mas não desejo. Mas é que desde que fiz este doce de bacuri, fiquei achando que seu azedinho perfumado combinaria com um chocolate meio amargo. E agora, aproveito a ocasião.
O doce de licuri dá pra cortar como marmelada. A receita está aqui.
Comprei um chocolate comum meio amargo, destes de supermercado, e piquei tudo. Duas partes coloquei numa tigela e apoiei sobre uma panela com água fervente, com fogo desligado. Quando derreteu, juntei a terça parte que ficou de fora e mexi até tudo estar derretido e já frio (menos que morno). Enchi com o chocolate metade das forminhas, coloquei um quadradinho de doce e completei com mais chocolate. Deixei esfriar bem e desenformei. Simples assim. Nac e boa Páscoa!

5 comentários:

Mariângela disse...

Neide,a foto ficou lindíssima, a hora que tu falaste no telefone do prato não imaginei este efeito,sabe o que parece?Aquele pó de ouro usado na culinária,é isso.Querida amiga,feliz Páscoa a todos vocês e leve nosso carinho a dona Olga e seu Toninho,saudades de todos!!Beijo!

Dricka disse...

Somos duas então a não morrer por chocolate, sou como você como, gosto mas vivo sem numa boa, porem esse bombom me fez salivar pela descrição do azedinho do bacuri, tenho uma verdadeira fixação por todo e qualquer doce azedinho.
Bjs

clau disse...

Neide hoje, entrando aqui no seu blog, fiquei com uma idéia me martelando: vc deveria escrever um tipo de "almanaque culinario".
Pq tem tudo a ver com tudo o que vc sabe!...
Boa pascoa!
Bjs!

Adriana Navarro Bueno disse...

Só uma coisa... o que é bacuri? Ficou com uma cor bonita, hein!

Linkamos vocês lá no Fast Food de Pobre, dêem uma olhada!

Imigrantes Italianos disse...

Neide, passei aqui para lhe desejar uma Feliz Pascoetta, na qual segundo a tradição napolitana se come casatiello, frittata di maccheroni, salame, uova sode, carciofi arrostiti e naturalmente la pastiera.
Bjs.
Lea eraldo